Image and video hosting by TinyPic

Mééé!
Um mé cheio de vontade, digo-vos. Já tinha saudades de escrever, com as minhas gordíssimas patas.
Bem, devem estar (se não estão, fiquem já!) ansiosos por saber como estou, novidades. Descansem, eu, Ovelha Obesa, contarei tudo.
Como as minhas amigas já contaram, viemos para uma nova quinta. Muito esquisita, como já disse a Anorética, nesta quinta conheci ovelhas muito más, que não nos aceitaram muito bem. Para além disso são muito competitivas negativamente, como hoje em dia nas escolas portuguesas. Sempre que não conseguem algo que conseguimos, a conspiração paira na quinta.
Estou mais gorda. Nesta quinta não há palha light, então uma ovelha sujeita-se a este tipo de coisas. A minha barriga já toca no chão, o que me obriga a tomar banho mais vezes. Em compensação, a minha lã está mais sexy do que nunca, como podem ver (e excitarem-se) na foto. Hoje em dia, liga-se muito ao aspecto físico mas nada à higiene, no mundo dos humanos, mas por cá continuamos a estimar quem se lava, não quem passa horas sem comer para emagrecer.
Ando a treinar para subir a encosta sem desistir, não quero morrer antes de este blog aparecer na televisão dos humanos e todos se renderem a nossos pés.

Bem, a Ovelha Ingénua chamou-me, veremos o que quer. Amem este novo blog, como eu,
Méééé!